segunda-feira, 22 de setembro de 2008

A magia contigo



"Eu vou falar no teu ouvido pra te tirar do sério. Você morde a minha boca, você já sabe o que eu quero." (Frejat)

A tarde parece não passar. De repente aquele momento torna-se insuportavelmente angustiante. Cadê? Definitivamente odeio esperar. Toca Colbie, toca Jason. Da janela consigo ver o céu, o vento que entra é o mesmo que faz eu pensar como vai ser dali pra frente. Se é que vai ser alguma coisa.

O sorriso tímido e o olhar de quem quer ver tudo de uma vez. As palavras saem, as histórias, os desejos, a vida nova. O gelo que bate vez em quando, a expectativa de saber o que vem depois. E depois e depois! Desvios de olhares quando a intenção é fixar em apenas um ponto. Desejos e mais desejos!

- Será que posso fazer essa felicidade aumentar?

A risada sai desconcertada, o rosto avermelha, os olhos fecham e os lábios se sincronizam. É saciar o desejo, é sentir-se amado - nem que seja por um instante. Colbie faz do que já estava bom, melhor. É gostoso sentir carinho, é aconchegante.

O cheiro fica. Duas mãos se tornam uma. O abraço traz consigo segurança. As palavras não conseguiriam exprimir tamanha expressão de carinho. Um toque nos cabelos, um simples encontro de olhares.

No fim, a vontade de que o tempo parasse ali, agora. Mas felicidade é momento e que os momentos sejam inconstantes, pra eu poder sentir a magia contigo mais uma vez.

Texto de Patrick Moraes

3 comentários:

Ryan disse...

Até parece que eu vou falar em OFF!
Claro que vou postar especialmente para você meu querido amigo!!


um grande abraço do mininudiallstar

Lailla Mendes disse...

Eu sempre durmo ouvindo uma música de Colbie. Me acalma, sabe, e tem uma sonoridade tão suave, tão especial!
Poxa, Trick, percebo que voltamos
aos nossos pontos em comum (excetuando o meu clichê e o seu cult way, hahaha), esse Jason é Jason Mraz?
Ah, mágico seu texto. Quem ama deve achar ideal, eu, como não, acho só belo mesmo, hahaha
Bju amigo jornalista!

Marcelle disse...

Patrick...
Q texto lindo...quer dizer,mais um texto lindo...
E dessa vez como disse minha amiga mosquinha,esse é magico!
Quando eu escrever meu livro epistemologico vou me inspirar nos seus textos...
Totalmente Love is in the air...hauahuahuha
Bjokas amiguinho...